Predição de falhas em equipamentos

CONTEXTO
Em Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCHs), o equipamento mecânico chamado de multiplicador de velocidade era o componente que apresentava o maior índice de falhas que, em alguns casos, geravam indisponibilidade operacional das unidades de geração.

 

SOLUÇÃO
Foram coletados dados de diferentes fontes, como operacionais, de sensores de campo, e eventos de parada e manutenção. A esses dados foram aplicadas técnicas de engenharia de features que combinadas com técnicas de aprendizado não supervisionado, ajudaram a identificar os padrões anômalos e os padrões de falhas, permitindo prever com antecedência os eventos de falha nos equipamentos.


RESULTADOS
Previsibilidade de até 60 dias antes da ocorrência de falhas, permitindo que a área de manutenção tome ações preventivas e mitigadoras contribuindo para o aumento de disponibilidade.